10
Nobember 17, 2013

Economia consciente

Mais uma vez nossa pequena cooperada nos enche de alegria e ensinamentos. Poupadora desde pequena, Elis Wanderley, sempre defendeu a reutilização do porquinho de barro a cada esvaziamento de moedas. Para isso, segundo ela, basta fazer “uma pequena cirurgia” na abertura do porquinho e depois de retirar as moedas coloca um adesivo nessa abertura e volta a usá-lo.

Essa ideia também foi defendida por ela na nossa última AGO realizada em abril deste ano diante de todos. Elis tem por hábito juntar suas moedas em “Dindin”, nome carinhosamente dado por ela ao seu porquinho de barro, que ao enchê-lo sempre traz o que conseguiu juntar e deposita em seu capital junto à CREDJUST.

Parabéns Elis!

Quem poupa sabe o futuro que tem!

 

Gostou deste post? Compartilhe!

Comentários 0

Deixe um comentário

 
Fale conosco agora